XXII Mostra de Corais Santa Cecilia

 

Nesta quinta-feira (25), a partir das 19h, na Catedral Metropolitana de Belém, a Arquidiocese de Belém, promoverá a XXVII Mostra de Corais Santa Cecilia, tem como anfitriã a “Schola Cantorum” da Catedral Metropolitana de Belém sob a orientação do Regente Eduardo Mario da Silva Nascimento e com o tema: “A verdadeira esperança está em Deus, pois, é n’Ele que encontramos a vida eterna”, a entrada será gratuita.

O tema deste ano, vem fundamentalmente evidenciar a necessidade de voltarmos nosso olhar para as coisas que vem do Altíssimo e pedir misericordiosa e amorosamente que olhe para o seu povo e nos plenifique da certeza que não podemos, de forma alguma negligenciar ou retardar a presença verdadeira d’Ele em nossas vidas, pois, a exemplo de Santa Cecília que viveu seu Martírio depositando toda sua Fé e Esperança nas promessas do Senhor possamos também nós, através da infusão do Espírito Santo, termos nossa vida transformada pela convicção de que somente o Senhor nosso Deus e seu Filho Jesus Cristo são o verdadeiro caminho para a cura do mundo que, como diz São João Paulo II sobre o sangue de Cristo derramado na Cruz em sua Carta Apostólica “Angelus Domini”: “uma só gota pode salvar o mundo inteiro de qualquer culpa”.

Esta Mostra de Corais denominada “Santa Cecília” é um encontro musical que nasceu da feliz ideia do Côn. José Gonçalo Vieira que, à época, ocupava a cúria da Catedral Metropolitana de Belém (1999) e vem sendo mantida pelo atual Cura Côn. Roberto Cavalli com a interrupção do ano de 2020 devido à Pandemia que impossibilitou sua execução.

O encontro é dedicado à Santa Cecília, Padroeira dos Músicos e objetiva divulgar o belo Canto Sacro, congregando corais de diferentes formações e experiências musicais diferenciadas, mas que estruturam ou, tem inseridas em suas práticas musicais essa categoria utilizando a linguagem musical como expressão de louvor a Deus.

Desde a sua criação esta Mostra de Corais vem sendo apresentada na igreja da Sé, passando pela Igreja do Carmo (2006 a 2008) em virtude da restauração de sua Catedral voltando-lhe em 2009. Em 2018, estendendo-se a Sala Étore Bósio do Instituto Estadual Carlos Gomes, pois, eram mais de 22 corais participando deste momento tão agradável para a música Coral paraense.

Santa Cecília

Santa Cecília é uma santa cristã, padroeira dos músicos e da música sacra, pois, consta que ao morrer ela teria cantado a Deus. Não se tem muitas informações sobre a sua vida. É provável que tenha sido martirizada entre 176 e 180, sob o império de Marco Aurélio.

Escavações arqueológicas não deixam dúvidas sobre sua existência, mas sua história só foi registrada no século V, na narrativa Paixão de Santa Cecília. É a santa da Igreja Católica que mais tem basílicas em Roma e uma das mais veneradas da Idade Média, além de ser a primeira encontrada com corpo incorrupto, no ano de 1599, mesmo depois de tantos séculos.

Schola Cantorum

A Schola Cantorum da Catedral de Belém foi fundada no dia 6 de maio do ano de 1735, o primeiro estabelecimento de ensino musical do Pará. Note-se que os estabelecimentos mais conhecidos hoje são posteriores, como o Conservatório Carlos Gomes e outros.

A Schola Cantorum da Catedral de Belém ficou emudecida durante várias décadas. No ano de 1985 foi reorganizada pelo ex-Cura da Sé, Monsenhor Nélson Soares, mais precisamente no dia 23 de março daquele ano.

Atualmente é composta por voluntários, sob a regência do maestro Eduardo Nascimento. Participa de muitos eventos culturais e religiosos da cidade, além de promover a mais de 20 anos esta Mostra de Corais dedicada a Santa Cecília, toda com repertório sacro, sendo a única do Estado do Pará.

SERVIÇO:

XXII Mostra de Corais Santa Cecilia
Tema: “A verdadeira esperança está em Deus, pois, é n’Ele que encontramos a vida eterna”
Local: Catedral Metropolitana de Belém
Data: 25 de novembro de 2021
Horário: 19h
Entrada franca e com transmissão ao vivo: https://linktr.ee/catedraldebelem

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Leia também