Pastoral Familiar lança os subsídios Hora da Família de 2022

 

A Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF) lançou os subsídios Hora da Família e Hora da Vida para o ano de 2022. Os materiais utilizados respectivamente nas Semanas Nacionais da Família, em agosto, e da Vida, em outubro, a partir de agora estarão em uma única publicação.

“Um dos objetivos mais importantes do trabalho da Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família e da Comissão Nacional da Pastoral Familiar, neste quadriênio, é concretizar o Serviço à Vida como parte indissociável do trabalho da Pastoral Familiar. Por isso, a Semana Nacional da Família e a Semana Nacional da Vida, embora aconteçam em meses diferentes, são complementares”, justifica o assessor da Comissão, Vida e Família, e secretário executivo da CNPF, padre Crispim Guimarães dos Santos.

Padre Crispim também recorda que a decisão de fazer a impressão dos dois materiais no livreto levou em consideração a “indissociabilidade” dos dois subsídios e mais outros três motivos: o apelo de alguns Regionais para juntar os dois livretos; a economia que é possível na impressão e no transporte, “facilitando a vida dos Regionais, em um momento de crise econômica do país”; e a possibilidade de, com um pequeno valor a mais, as comunidades que já utilizam com frequência a Hora da Família de agosto terem também a Hora da Vida, “fazendo-o acessível a todos e aumentando a consciência para o trabalho com a defesa, promoção e cuidado da vida”.

Hora da Família

O subsídio Hora da Família para a Semana Nacional da Família de 2022 tem como tema “Amor familiar, vocação e caminho de santidade”, em sintonia com o X Encontro Mundial das Famílias convocado pelo Papa Francisco e o XVI Congresso Nacional da Pastoral Familiar, marcado para o final de agosto em Governador Celso Ramos, na arquidiocese de Florianópolis (SC).

São oferecidos sete roteiros para os encontros da Semana Nacional da Família e uma sugestão de celebração para o Dia dos Pais.

Hora da Vida

Já o subsídio para a Semana Nacional da Vida 2022, de 1º a 7 de outubro, incluído no mesmo livreto que o material para o mês de agosto, tem como centro das reflexões a temática “Serviço à vida: caminho de fecundidade”. Também são oferecidos sete roteiros para os encontros de reflexão. Ao final, o material contém a sugestão para celebrar o Dia do Nascituro, em 8 de outubro, com o tema “Toda violação da dignidade humana ofende a Deus”.

“Neste clima do ‘Amor Familiar: caminho e vocação de santidade’, a Hora da Família e a Hora da Vida se unem para um mesmo e único itinerário vivencial: o amor familiar gerando frutos de comunhão, participação e missão”, destaca o bispo de Rio Grande (RS) e presidente da Comissão para a Vida e a Família da CNBB, dom Ricardo Hoepers.

Compartilhe essa Notícia

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Leia também