Aos domingos nas celebrações nós proclamamos que cremos em Jesus Cristo e na sua Palavra. Crer não é só aceitar como verdade, mas assumir na prática o que proclamamos.

Comunhão significa união. Todos os cristãos devem viver unidos como irmãos e como filhos da família de Deus.

Jesus insistiu muito para ficarmos unidos a ele e aos irmãos como os ramos ficam unidos ao tronco da árvore. Quem se isola ou se separa da Igreja, seca, morre e apodrece – Jo 15, 1-6.

São Paulo diz que devemos estar unidos a Cristo e aos irmãos como os membros estão unidos à cabeça e ao corpo. Sem unidade, um membro não serve para nada a não ser para apodrecer (1Cor 12, 12-27).
Santos – significa diferente dos pagãos e parecidos com Cristo.
Os santos formam a família de Deus. Por isso eles rezam Pai nosso e não Pai meu.

No início da Igreja os seguidores de Cristo eram chamados ‘santos’ porque eram diferentes dos pagãos. Na Antioquia foram chamados ‘cristãos’. Esse nome pegou e é usado até hoje.

Os ‘santos’ ou os cristãos estão em três situações diferentes: na terra (militantes), no céu (triunfantes) ou no purgatório (padecentes).
Mesmo assim formam a mesma e única Igreja, estão unidos entre si, e podem ajudar-se mutuamente. Os cristãos da terra podem ajudar os cristãos do purgatório. Os cristãos do paraíso e do purgatório podem ajudar os cristãos da terra.

É por isso que na missa nós recordamos todos eles, e nos unimos a eles nas súplicas, nos louvores e nas preces.

A Eucaristia nos dá vida e unidade com Cristo e entre nós. Nela nós comemos e bebemos o próprio Cristo para nos embeber do seu espírito, da sua mentalidade, dos seus planos e das suas preocupações.

A unidade, a fraternidade e a solidariedade dos católicos é grande, mas em alguns precisam crescer mais. Por exemplo: na ajuda das capelas e paróquias mais ricas para as mais necessitadas; na ajuda solidária aos pobres, famintos e necessitados; na visita e conforto aos doentes…
Quem crê na comunhão dos santos tem também a missão de agir para que essa união se fortifique sempre mais entre os cristãos.

O Cursilho de Cristandade é excelente meio que o Espírito Santo nos fornece para sermos santos como Jesus disse: “Sede santos porque também o vosso Pai é Santo”.

Leia nossos Colunistas