Na escuridão da noite, Nicodemos, doutor da Lei, foi encontrar-se com Jesus e perguntou: “Mestre, o que devo fazer para entrar no Reino do Céu”?
Jesus lhe respondeu: “Deves nascer de novo” – Jo 3,3.

Para nascer de novo é preciso despir-se do Velho Homem e revestir-se do Homem Novo – Ef, 4 22ss.
Velho Homem é quem tem mentalidade do mundo.
Homem Novo é quem tem a mentalidade de Cristo: é ser honesto, piedoso, paciente, humilde, caridoso, solidário, justo…
Darci é um padeiro, casado com Joana. Eles têm dois filhos: Adel, de 11, e Clara, de 13 anos. Eles moram num bairro da cidade.
Lá perto eles têm uma panificadora de onde tiram o sustento.

Darci levanta cedo, reza, abre a panificadora e saúda com gentileza os seus três empregados.
Alguns anos atrás Darci era ganancioso, rude, com sonhos de ficar rico. Para enriquecer ele achava natural ser desonesto, lograr e enganar quando tivesse oportunidade. Darci bebia bastante. As brigas do casal eram frequentes e o ambiente do lar era pesado.
Um dia, Joana fez o Cursilho. Um mês depois, Darci também foi convidado. Relutou, arranjou desculpas, mas por fim aceitou.
No Cursilho, o Espírito Santo iluminou a ambos. A vida do casal mudou. Seus olhos se abriram e eles viram com clareza como ser, pensar e agir e assim serem cristão de verdade.
Darci e Joana nasceram de novo e sua vida mudou.
Hoje eles são bem felizes, frequentam a missa nos domingos.

Darci é membro da Liturgia. Joana ajuda na Pastoral Social. Sua filha Clara é coroinha e Adel frequenta a catequese.
No bairro, Darci e Joana animam a Novena do Círio de Nazaré e coordenam um Grupo de Leitura Orante da Bíblia que se reúne nas 4ªs feiras à noite.
O casal não briga mais, mas se respeita, entende e se perdoa.

Darci e Joana continuam trabalhando na padaria, tratam bem os clientes, os empregados e ajudam alguns pobres.
O Cursilho ajudou esta família a despir-se do Velho Homem e revestir-se do Homem Novo com a mentalidade nova de Jesus.
No Cursilho o Espírito Santo abra os olhos, aviva a fé e fortalece a vontade dos fiéis para andarem no Caminho do Senhor.

Leia nossos Colunistas